Qual a composição da viscose?


523

Com a correria do dia a dia, as pessoas acabam vestindo suas roupas sem ao menos saberem qual a procedência da confecção da peça. O mercado têxtil cresceu muito nos últimos anos, de forma que os tecidos se tornaram uma gama muito extensa, como, por exemplo, a viscose.

Esse tecido é considerado uma fribra artificial, que tem sua produção oriunda da celulose, que é encontrada em cavacos de madeira de árvores que apresentam pouca resina ou também por meio do línter da semente do algodão.

O tecido é muito utilizado para a produção de malhas mais casuais, como casacos, vestido, saias, blusas e também o vestuário esporte. Por isso, é muito comum encontrar peças dessa composição em nosso dia a dia, uma vez que está muito presente nas lojas de vestuário.

Por isso, se você quer saber mais sobre qual a composição da viscose, em quais situações esse tecido pode ser usado e suas principais características, continue acompanhando esse artigo e confira algumas dicas que vão esclarecer melhor a sua visão sobre as peças de roupas.

Conhecendo mais sobre o tecido feito em viscose

Ao escolher um tecido para a produção de uma peça de roupa é preciso que se conheça um pouco sobre as suas principais características, como, por exemplo, o caimento. Assim, para aqueles que optam por usar a viscose na confecção das peças, algumas dicas são importantes para não errar no figurino.

Esse tecido, normalmente, é composto por 85% de poliamida e 15% de elastano, adquiridos através do tratamento da celulose que resulta em uma solução mais viscosa. Essa solução tem uma importância industrial relevante, uma vez que também é utilizada para produzir acetato e o celofane.

Os fios e as fibras originadas desse processo se assemelham aos tecidos de algodão em relação a absorção de umidade e também resistência à tração. Além disso, apresenta um toque suave, leve, fresco e bastane macio, o que confere a roupa um caimento bem elegante.

Para conhecer melhor sobre a viscose, confira a seguir algumas das suas características principais e que a fazem ser um tecido muito utilizado atualmente:

  • Foi considera um símbolo têxtil, por ser a primeira fibra artificial produzida, no ano de 1905.
  • Apresenta uma regularidade, ao contrário das fribras naturais, ela é mais fina e seu comprimento é bem mais regular.
  • É possível conferir brilho de acordo com o desejado.
  • Para dar cor ao tecido é possível, na grande maioria das vezes, utilizar os corantes que são empregados no tingimento do algodão.
  • Seu processo de lavagem é simples, não exigindo de um tempo muito longo.
  • Apresenta uma elasticidade muito mais alta do que as fibras naturaia, entretanto, é inferior ao algodão e a seda.
  • A sua capacidade de absorver água é alta, sendo que durante a absorção as suas fibras incham, o que pode fazer com que as peças de roupas fiquem mais curtas.
  • É um tipo de tecido que amarrota com facilidade, contudo, podem ser passados facilmente.
  • Em relação aos tecidos mais conhecidos, como a seda, por exemplo, apresenta um baixo custo, o que é reforçado pela sua grande presença nas peças de roupas cotidianas.
  • Grande parte das suas características são semelhantes aos tecidos feitos de algodão, porém, a viscose apresenta um toque mais aveludado, um caimento melhor, cores mais intensa e também uma melhor textura.
  • Por outro lado, é o tipo de tecido que apresenta baixa resistência à luz ultravioleta, o que favorece com que as peças fiquem amarelas com mais facilidade.

Com essas dicas e curiosidades sobre a viscose fica bem mais fácil você compreender como o tecido irá se comportar na confecção de uma peça de roupa. E, se você quiser adquirir um produto de qualidade não deixe de conferir o site: https://www.avimortecidos.com.br/


1 Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Boa tarde, por gentileza estou a procura do produto “NO WOVEN (nao tecido)com 100% viscose”, por acado vcs saberiam me informar aonde eu posso encontrar algum distribuidor desse produto?